06 dezembro, 2008

II Domingo do Advento



Os profetas mantinham acesa a esperança de Israel.
Nós, como um símbolo da mesma fé, acendemos estas duas velas
Do velho tronco nascem folhas novas;
O deserto floresce.
A humanidade inteira se entusiasma porque Deus surge na nossa carne.
Que cada um de nós, Senhor, te abra a sua vida para que Tu possas nascer
E manter acesa no nosso coração a esperança.
Vem depressa, Senhor.
Vem, nosso Salvador!
(in: Catequistas 43)